windows-7-professional-key windows-7-professional-key-cheap windows-7-professional-key  Windows-7-Home-Premium-Key

Plantas Energéticas

março 14th, 2014 | Posted by Márcia Fernandes in Ervas - (Comentários desativados)

Ao escolher uma erva para o seu ritual, dê preferência para ervas verdes, “in natura”. Ela mantém seu vigor e melhor potencial para atingir melhores resultados.

Porém, nos casos de chás, as ervas frescas, por apresentarem maior quantidade de água, têm menor quantidade de ativos e maior concentração de compostos tóxicos se comparadas às ervas secas.

Assim, é preferível a utilização de ervas secas por oferecerem menor risco de intoxicação e maior eficácia farmacológica com uma dose reduzida. Existe também uma grande variedade de ervas secas conhecidas pelos seus efeitos medicinais, relaxantes, estimulantes ou psicoativos que mantém suas qualidades naturais.

Para preparar seu ritual ou mesmo um banho, qualquer que seja ele, é importante seguir alguns princípios bem simples que vão garantir que a qualidade no resultado do objetivo proposto seja plenamente atingida:

- Antes do preparo, lavar bem as mãos e o material a ser utilizado.

- Mantenha as ervas preferencialmente em sua embalagem original.

- Utilizar o preparado imediatamente após estar pronto.

- A água utilizada para banhos deve ser filtrada ou de preferência mineral.

- A qualidade e a quantidade de erva são muito importantes.

- Na preparação de infusões quentes, que contenham ervas aromáticas, o banho deve permanecer tampado até que esfrie na temperatura ideal.

- Preferencialmente, utilize para o preparo: vasilhas de vidro, cerâmica, ágata e porcelana, pois não liberam resíduos tóxicos.

- Escolha ervas de qualidade, evite as que estejam amareladas e/ou queimadas e muito secas.

- Separe cuidadosamente as folhas dos galhos. Nunca cortar com facas ou tesouras, mas sim com as mãos.

- Colocar a água para ferver e assim que levantar a fervura, desligue o fogo. Colocar as ervas e abafar.

- Nunca acrescente água fria. Tem que deixar o banho esfriar naturalmente.

- Após tomar o banho de higiene normal, jogar o banho do pescoço aos pés, tomando o cuidado de não molhar a cabeça.

- Após tomar o banho energético, siga os procedimentos orientados para cada caso.

- As ervas, após utilizadas, devem ser jogadas em água corrente limpa ou em um jardim qualquer.

- Banhos devem ser feitos com 1, 3, 5 ou 7 ervas.

- Em caso de dúvidas, pergunte sempre, evite experiências que possam comprometer a sua saúde ou equilíbrio energético.

Em nosso próximo post, acompanhem um breve glossário das ervas e veja a utilidade de cada uma delas.

Beijos,

Márcia Fernandes

A magia dos chás

março 5th, 2014 | Posted by Márcia Fernandes in Ervas - (Comentários desativados)

Um chazinho é sempre gostoso, não é mesmo? Saiba que o chá traz uma série de benefícios para nossa saúde. Descubra, a partir de agora, alguns deles.

Uma pesquisa recente, publicada na Revista European Journal of Clinical Nutrition, indica que o chá oferece mais vantagens para a nossa saúde do que a água. Essa pesquisa contemplou o chá preto, por exemplo, dizendo que a água simplesmente repõe a perda de fluidos e hidrata o organismo enquanto o chá…

- Protege contra a ação dos radicais livres.
- Combate o envelhecimento precoce.
- Protege contra doenças cardíacas e alguns tipos de câncer.
- Traz fortalecimento para os nossos ossos.
- Diminui a incidência de placa bacteriana.
- Ajuda no processo de digestão.
- Estimula a bexiga.
- Serve para complementar tratamentos convencionais como a fitoterapia.
- Combate o stress.
Previne o nervosismo e a fadiga.

E como preparar um bom chá? Siga as dicas abaixo:

- A água deve ser fervida e despejada sobre a planta, durante uns 15 minutos.  Em seguida, basta coar e servir.

- O chá deve ser colocado em um recipiente limpo, fechado, e não de alumínio, para conservar suas propriedades.

- Tome o chá morno ou frio – jamais quente ou gelado em excesso. A quantidade máxima diária é de apenas um litro.

- Não há necessidade de adoçar o chá, preservando assim o seu sabor original.

- Preste atenção nas reações adversas. Nem sempre o efeito é o mesmo para todos.

Em nosso próximo post, vamos falar um pouco sobre os benefícios de alguns chás, então, aguardem!

Beijos,

Márcia Fernandes

Os benefícios de alguns chás para você!

fevereiro 17th, 2014 | Posted by Márcia Fernandes in Ervas - (Comentários desativados)

Veja agora, alguns benefícios de chás mais conhecidos que valem ouro:

ALECRIM: combate a depressão, funciona como antioxidante, atenua dores reumáticas.

BOLDO: ameniza dores no estômago, problemas no fígado e o famoso mal-estar gerado pela ressaca.

CAMOMILA: alivia enjoos e distúrbios gástricos e intestinais, principalmente do stress diário.

CAPIM-CIDREIRA: combate a insônia, controla o stress e nervosismo, ameniza cólicas intestinais e gases.

CARQUEJA: alivia males como azia, má digestão e prisão de ventre.

CHÁ-MATE: é rico em vitaminas A, B1, B2 e C, melhora as defesas do sistema imunológico, potencializa a concentração, energia e vitalidade.

CHÁ-PRETO: reduz níveis de colesterol ruim, excelente para pacientes hipertensos e/ou com problemas coronarianos.

ERVA-DOCE: alívio de cólicas de recém-nascidos e femininas, durante o período pré-menstrual, combate também a má digestão.

HORTELÃ: ameniza azia, gases e cólicas, apresenta efeito sedativo; pode ser usado como complemento nos tratamentos para bronquite e asma.

JASMIM: revitalizante, diurético e combate acessos de asma.

MARACUJÁ: acalma, indicado para dores de cabeça, insônia, perturbações da menopausa.

CHÁ-VERDE: melhora a circulação do sangue após a ingestão de comidas gordurosas, diminuindo também as taxas do colesterol ruim.

Bom, gente, que tal incluir os chás em seu dia a dia? Como vocês viram, além de bom, faz um bem danado!

Beijos,

Márcia Fernandes